A primeira instrução para qualquer exercício da felicidade é deixar fluir. Ou seja, se entregar para o exercício a ser feito, sem se preocupar com o resultado final. Seguir as regras, as instruções, pois o resultado será consequência.

Outra orientação importante é saber que não se trata de qualquer espécie de prova ou competição. São apenas exercícios, práticas e reflexões que podem trazer inúmeros benefícios. Deixar de fazer comparação com as performances dos outros, pode lhe trazer muito alívio. Não há nenhum medidor para saber se você estará sendo mais feliz do que seu vizinho, seu chefe, seu amigo ou inimigo.

O que realmente importa será a concentração na sua própria performance, e o fluir natural dos resultados.
É se conectar em colocar em prática o que você já sabe. Colocar em prática os valores que são importantes para você. É trazer para o seu dia a dia, para o seu momento a momento a oportunidade de ser feliz.